Dr. Reges Toni Schwaab - A fundação da reportagem no gesto do reconhecimento (em andamento desde 2016)

Descrição: O projeto pretende ampliar a discussão das interfaces da narrativa jornalística para além da tradicional relação com a literatura e a história. Para tanto, busca dirigir o debate sobre a reportagem ljornalística e sua construção narrativa como devedora do gesto de reconhecimento, mantendo em permanente evidência o Outro como dimensão primeira da comunicação. Procuramos entender o narrar jornalístico como contratempo, como o que abre a possibilidade do possível. O Outro sintetiza um convite inquietante ao fim da distância, em que pese ele estar, paulatinamente, constituindo um limite à aproximação. Para Paul Ricoeur, a reciprocidade do reconhecimento é a exigência ética mais profunda. Em Emmanuel Lévinas, o princípio ético absoluto é o cuidado com o outro, que decorre de uma responsabilidade incondicional e infinita como estrutura fundamental da subjetividade. Nosso recorte empírico são espaços narrativos que funcionam em condições não hegemônicas de produção e circulação, selecionando, a partir deles, um corpus de reportagens jornalísticas de diferentes países da América Latina. A motivação conceitual e metodológica considera que essa produção jornalística heterotópica, advinda dos cacos e das migalhas (Gagnebin, 2010), pela significação do insignificante, se transvestiria em potência para o tensionamento pretendido. Financiamentos: Bolsa FIPE/UFSM 2016. Cota FIPE ARD 2016 (enxoval).


 Links Importantes

 

capes 72012 RGB

 

CNPq logo

 

Animus

 

compos

 

intercom

 

 logo sbpjor

 

abrapcorp

 

 abp2